Brasil Sartori Vice Diretor do Departamento de Turismo das Missões é nomeado Representante Brasileiro para o Desenvolvimento do Turismo na América do Sul

Realizado entre os dias 18 e 19 de Maio de 2018 na Universidade Católica de San Ignacio Guazu mais uma Assembleia dos 30 Povos Jesuítas Guaranis. Em praticamente todas as manifestações que exerciam seus temas às autoridades enfatizaram que a participação foi totalmente positiva devido à integração das delegações do Paraguai, Argentina e Brasil. A localidade de San Ignacio Guazu estava encarregada da montagem do stand alusivo onde retratavam as riquezas e a história dos povos jesuítas. Um dos temas centrais debatidos foi a Estratégia de desenvolvimento dos povos jesuítas Guarani. Na região das missões, Entre-Ijuís e São Miguel das Missões, por exemplo, o valor da história das cidades tem sido procurado e, através disso, elevado o seu desenvolvimento turístico.  No encontro mais uma vez, os integrantes declararam de interesse cultural e histórico esta reunião para a integração que serve como uma maneira de enriquecer os povos. 

A Assembleia dos 30 povos é um empreendimento cidadão-inaciano que convida a conhecer e aprofundar as raízes histórico-culturais, para fortalecer o presente das pessoas que projetam o futuro. Seu objetivo fundamental é a valorização do patrimônio histórico, social e cultural da região missionária.  Em mais esta edição ocorreram conferências, debates, oficinas que buscaram nas pessoas e autoridades presentes formular e assumir compromissos sobre o assunto.  As 30 aldeias das missões jesuíticas guarani ou reduções do Paraguai nascem no sul de Assunção, na região do Paraná. Hoje essas 30 aldeias estão localizadas na Argentina, no Brasil e no Paraguai. 

A décima edição da Assembleia dos 30 Povos Jesuítas guarani em San Ignacio Guazú foi de grande valia pela presença internacional de seus representantes. Mais um empreendimento onde conheceram e aprofundaram as raízes histórico-culturais, assim como fortalecer o presente e projetar-se para o futuro. 

 O Vice Diretor do Departamento de Turismo das Missões, prefeito de Entre-Ijuís, Brasil Sartori desenvolveu o tema: "A experiência da Integração Missioneira” e foi enfático quando disse ao final de sua manifestação. “A economia das Missões e solidariedade cristã, Guaranis, Franciscanos e Jesuítas, reciprocidade e economia de comunhão precisam estar caminhando juntas para o fortalecimento e desenvolvimento do que estamos propondo”. O escritor, pesquisador e historiador, José Roberto de Oliveira desenvolveu o tema, “A grande experiência e a herança cultural dos 30 Povos Jesuítas guarani para o desenvolvimento atual”.

A diretora da Universidade Católica Nossa Senhora da Assunção - cúpula San Ignacio, Magíster Esperanza del Puerto assinalou ao usar da palavra que "a eleição de Francisco Jesuíta da Argentina como papa gerou na comunidade católica paraguaia muitas esperanças e expectativas. Um de nossos desejos é que sua santidade visite a região trinacional das Missões e o fortalecimento dessa área como uma comunidade que compartilha esperanças e histórias comuns", declarou. 
A 10ª edição da "Assembleia das 30 cidades jesuítas Guarani" foi realizada na sexta-feira, 18 de maio, e sábado, 19 de maio, na sede da Universidade Católica de Nossa Senhora da Conceição, subsidiária San Ignacio Guazú, Misiones. 

A assembleia reuniu grupos da Argentina, Brasil e Paraguai, que participaram de apresentações com palestrantes nacionais e internacionais de alto nível, com o objetivo de compartilhar experiências e boas práticas na gestão do Patrimônio Cultural e o desenvolvimento da Rota Jesuíta em nível internacional, bem como além de estimular a reflexão, aprofundar o conhecimento e o conhecimento de nossas raízes histórico-culturais. 

O encontro contou também com a participação de representantes do povo Ava Guarani da Bolívia, que realizaram rituais e experiências místicas e espirituais. O povo Mbyá Guarani do departamento de Itapúa também participou, com exposição e venda de produções artesanais. 

No final do dia, foi realizada uma mesa de trabalho com as autoridades locais e representantes dos países membros da região das 30 cidades jesuítas, nas quais foram designados representantes de cada país, que serão os responsáveis pela coordenação e definição das estratégias de ação conjuntamente a nível regional. 

Nesse sentido, o diretor de Espaços Culturais da Secretaria Nacional de Cultura (SNC), Alda Carreras, foi nomeado pelo Paraguai, juntamente com o conselheiro municipal de San Ignacio Guazú, Máximo Genes e pela representação brasileira e missioneira, foi nomeado foi o atual vice-diretor do Departamento de Turismo das Missões, prefeito de Entre-Ijuís, Brasil Sartori. 

O evento foi declarado de Interesse Cultural Nacional pela SNC através da Resolução SNC nº 359/2018, e de interesse cultural pela Câmara dos Deputados de Corrientes, Argentina, Declarado de interesse pelos Municípios de La Cruz, San Carlos e Yapeyú de Corrientes, Argentina e pela Associação dos Municípios das Missões do Estado do Rio Grande do Sul, Brasil.

prefeito em san ignaciol